O caos no cais

O dia 2 de janeiro foi histórico em termos de falta de ordenamento

 

Ao chegar no cais, às 10h, me deparei com uma situação de não ter onde colocar o pé no chão. Isto em se tratando de uma área de proteção ambiental.

Temos uma infraestrutura com dinâmica de aproximadamente 1.500 passageiros, e neste momento havia uma rotatividade na ordem de 7.000 pessoas. Chegou  CCR BARCAS, com 1.000 pessoas, um navio com 2.000 pessoas, flex boat chegado do continente, outros tantos indo para o continente, saveiros e lanchas partindo para todas as praias, enfim algo para o bom turista nunca mais volta à Ilha Grande. Com todo o esforço e abnegação das pessoas que trabalham no cais, o caos estava instalado.

No conceito de Angra, isto quer dizer “bombando” como positivo, para nós um desastre turístico que não gostaríamos de observar.

Até quando isto será assim? Para um município que se diz turístico é pelo menos um contra censo.

Fernandinho, tende piedade de nós! Assisti sua entrevista na Rio Sul e penso que como eu ninguém acreditou em seu maravilhoso jogo de palavras, “Malufou” legal, bem contracenado pela repórter em tom incrédulo, mas você se saiu bem na fita. Só que ninguém acredita mais…

Cai na real, Fernandinho! E não esqueça que você tem o melhor espaço de turismo do mundo e está abandonado. Não esqueça que o PT votou em você! Vem cá jantar conosco na santa paz do senhor, para ajustarmos a conversa!

N.Palma

 

2 thoughts on “O caos no cais

  • O ECO foi contra ou a favor da taxação de turistas na IG? O ECO foi contra ou a favor da privatização da IG, através da parceria público privada, PPP?
    Agora é um pouco tarde para reclamar da visível má gestão no turismo como um todo, principalmente na IG…

    • Caro Marcelo.
      Verificamos o seu comentário ao qual nós agradecemos e informamos sobre as perguntas.
      O Eco foi e será sempre contra a PPP, entretanto foi sempre a favor da limitação e cobrança de entrada. Possivelmente você não tenha acompanhado às discussões da PPP. As discussões provaram o quanto a PPP é nociva para a Ilha. O Cais em caos se deve a falta de ordenamento da Prefeitura e nata tem a ver com a PPP. Nós lutamos pela preservação da Ilha, não para empresas que querem tirar proveito e destruir o amanhã. Como o assunto é vastíssimo, venha um dia à Ilha que trocaremos muitas ideias sobre o assunto.

      Nelson Palma – Editor

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *